# EXERCÍCIOS ANAERÓBICOS

Postado em Atualizado em

anaerobico1

Dr. Carlos Dinis – Portugal

EXERCÍCIOS ANAERÓBICOS

 O exercício anaeróbico é qualquer atividade física que trabalhe diversos grupos musculares durante um determinado e constante período de tempo, de forma contínua e ritmada. O treino anaeróbico melhora significativamente o funcionamento do coração, pulmões e todo o sistema cardiovascular contribuindo para uma entrega de oxigênio mais rápida por todo o nosso corpo.

Os exercícios anaeróbicos são o contrário dos aeróbicos, compondo-se de alta intensidade e curta duração. Caracterizam-se por não utilizar o oxigênio para a promoção de energia pois é gerada através do tecido vivo. Seu principal público são pessoas em busca de ganho de massa muscular.

Muitos se questionam sobre a diferença entre exercícios aeróbicos e anaeróbicos. No primeiro há um grande gasto calórico, porém com movimentos mais lentos, já na segunda opção os exercícios são mais rápidos com foco no grupo muscular. A origem da energia é o que distingue os dois. Enquanto o aeróbico alimenta-se do ar, o anaeróbio utiliza os hidratos de carbono, o que neste caso, após finalizar atividade as células continuam a queimar calorias. Por isso atividade anaeróbica também é indicada a pessoas que precisam perder peso, pois em sua execução eliminam gordura e adquirem massa magra.

Encontra-se diversas opções de modalidades anaeróbicas, como saltos, pilates, yoga, musculação – uma das mais praticadas, entre outras. Podemos separa-las em dois grupos distintos sendo os de execução lenta, como a ginástica localizada que pode ser realizada com ou sem sobrecarga, e o de movimentos rápidos com os movimentos velozes e curtos da natação e corrida por exemplo. Em todas, a indicação é que seja praticado por um período de uma hora, com uma frequência de duas a quatro vezes por semana.

Exemplos de exercícios anaeróbicos incluem musculação, sprints, saltos; qualquer exercício que consista de movimentos rápidos de alta intensidade. Exercícios anaeróbios são geralmente usados por atletas para desenvolver força e bodybuilders para construir massa muscular. Músculos que são treinados sob condições anaeróbias desenvolvem melhor performance em atividades de curta duração e alta intensidade.

 

Exercícios aeróbicos, por outro lado, incluem atividade realizadas por longos períodos de tempo em menor intensidade. Exercícios como caminhar, correr, nadar e pedalar requerem grande quantidade de oxigênio para gerar energia por período prolongado de tempo.

 

Há dois tipos de sistema de geração de energia anaeróbica: o ATP-CrP, que tem a creatina fosfatada como principal fonte de energia, e o ácido lático (ou glicólise anaeróbia), que usa glicose na ausência de oxigênio. O segundo é um uso ineficiente da glicose e produz sub-produtos que, acredita-se, sejam prejudiciais ao funcionamento muscular.

 

O sistema de ácido lático é o dominante durante exercícios de intensidade alta a máxima, durante curto período de tempo (em torno de um minuto), mas ele também é responsável por uma parte da energia durante exercício aeróbio, uma vez que o organismo é capaz de livrar-se dos sub-produtos anaeróbios até um certo nível. A eficiência da remoção dos sub-produtos pelos músculos melhora através do treinamento.

 

anaerobico2

 

Exercícios Anaeróbicos

 

Muitos se perguntam qual a diferença entre o exercício aeróbico e o anaeróbico. O primeiro nome é o que ouvimos com mais frequência. Enquanto o exercício aeróbico está relacionado com a oxigenação, o anaeróbico é totalmente o contrário.

 

Os Exercícios

Levantamento de peso e ginástica olímpica são dois ótimos exemplos de exercícios anaeróbicos. São estimulantes musculares e aumentam a nossa resistência por fortalecerem os músculos tornando-os mais resistentes e mais fortes. Uma corrida olímpica de 100 metros, por exemplo, é outro grande exemplo desse tipo de exercício, exige força física e todo um preparo muscular e de resistência. Mas ao mesmo tempo em que uma corrida olímpica é do tipo anaeróbico, ela precisa começar com a aeróbica para trabalhar a distribuição do oxigênio no aumento da resistência física. Isso acontece com muitos exemplos do tipo, e profissionais sempre citam que as atividades aeróbicas e anaeróbicas devem sempre trabalhar em conjunto para um melhor resultado.

 

A energia utilizada durante a prática de um exercício anaeróbico é independente do oxigênio e trata-se de uma atividade praticada por menos tempo, porém com maior intensidade.

Variando o tipo de esforço empregado, o exercício também pode sofrer mudanças de aeróbico para anaeróbico. No caso de uma corrida, a intensidade aumenta de forma progressiva. A fonte de energia deixa de ser o oxigênio para ser o ácido lático (glicose anaeróbica – a glicose em forma de glicogênio) ou a creatina fosfatada.

 

O Pilates

O Pilates é um exemplo desse tipo de exercício que com um pouco mais de conhecimento, podemos praticar até em casa mesmo. Por ser uma atividade mais calma, que apesar de exigir trabalho dos músculos, não é de grande esforço físico, o Pilates, praticado em mais ou menos 30 minutos diários, é de grande eficiência para o nosso corpo.

anaerobico3

anaerobico5anaerobico6

 

Nos treinos anaeróbicos alguns aspectos devem ser respeitados por seus alunos, como o intervalo de descanso para as fibras musculares se recuperarem e diminuir o ácido lático produzido. Assim como entender o limite do corpo, principalmente no momento de adicionar uma sobrecarga evitando uma fadiga.

anaerobico7

O treinamento de força é indicado tanto para pessoas que buscam melhorar o condicionamento físico, perder peso ou até mesmo para o trabalho de hipertrofia. Os benefícios da atividade anaeróbica regular são:

 

Promoção da saúde e qualidade de vida: Além de prevenir doenças como diabetes, artrite ou dores lombares, o treino pode auxiliar no tratamento quando o praticante já possui a patologia.

Conservar e ganhar massa muscular: Mesmo após o estágio de envelhecimento do corpo onde perde-se músculo por falta de uso, esse tipo de exercício estimula não só a manter como aumentar massa magra.

Força óssea: A atividade anaeróbica torna os ossos mais fortes, combatendo e evitando a osteoporose.

Acelera o metabolismo: O ganho de massa magra promove o aumento do metabolismo e um maior gasto calórico durante os exercícios.

Boa forma física: O corpo ganha um novo traçado, uma aparência física tonificada. Isso aliado a uma alimentação equilibrada.

 

No nosso dia-a-dia realizamos movimentos que são um misto entre os dois tipos. Um bom programa de exercícios físicos deve conter os dois tipos de atividades para que sejam conquistados benefícios como: melhorar a respiração, fortalecer os músculos, evitar perder massa muscular e óssea, etc. Depois de conhecer um pouco a diferença entre os dois tipos de exercícios, conheça um pouco mais a respeito dos anaeróbicos.

 

Benefícios dos Exercícios Anaeróbicos

 

O treinamento de força é o tipo mais eficaz de exercício anaeróbico. Aqui estão os cinco principais benefícios desse treinamento:

 

Ajuda a prevenir problemas de saúde

 

O treino de força ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2, a dor lombar e artrite. Mesmo se você já sofre de uma dessas doenças, o treinamento de força pode ajudar a aliviar a doença, além de fortalecer o sistema imunológico.

 

Constrói e mantém a massa muscular magra

 

A perda de massa muscular magra resulta em uma perda de força e em um metabolismo mais lento. A perda de massa muscular magra não é o resultado normal do envelhecimento, é principalmente o resultado de um estilo de vida sedentário. O treinamento de força é a maneira mais eficaz para construir e manter a massa muscular magra.

 

 

Aumenta a resistência e densidade óssea

 

Milhões de pessoas no mundo sofrem de osteoporose. Consumir produtos lácteos e tomar suplementos de cálcio ajuda, mas não é suficiente. Ossos precisam ser fortalecidos com exercícios de força ou eles se tornarão frágeis e quebradiços.

 

Redução da gordura corporal

 

Treinamento de força é tão importante quanto a nutrição e exercícios aeróbicos quando se trata de perder gordura corporal. O treinamento de força constrói e mantém a massa muscular magra, e quanto mais massa muscular magra você tiver mais rápido será o seu metabolismo.

 

Remodela o corpo

anaerobico8

O treinamento de força é a forma mais eficaz para remodelar seu corpo.

anaerobico9

Exemplos de Exercícios Anaeróbicos

Alguns exemplos de exercícios anaeróbicos incluem: salto, musculação, provas de velocidade (sejam elas a pé, em piscinas ou de bicicleta), flexões, abdominais, agachamentos, levantamento de peso, ginástica olímpica, ou seja, qualquer atividade que seja feita com movimentos rápidos e de alta intensidade.

. Aqui vão os cinco maiores benefícios do treino de força:

  1. Ajuda a prevenir problemas de saúde

O treino de força ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, diabetes, artrite e dor nas costas. Mesmo se você já sofre com isso, o treino pode ajudar a aliviar os sintomas e ainda ajudar no sistema imunológico.

  1. Mantém a massa muscular magra

A perda de massa magra pode começar na metade dos vinte anos e resulta na perda de força, em um metabolismo mais lento e menos tônus muscular. Isso não é normal no processo de envelhecimento e é o resultado de um estilo de vida sedentário. Se você não usa seus músculos, eles são desperdiçados. O treino de força é o modo mais eficaz para construir e manter massa magra, se manter forte e em forma.

  1. Aumenta a força e densidade do osso

Milhões de pessoas ao redor do mundo sofrem de osteoporose. Consumir laticínios e tomar suplementos de cálcio para aumentar a densidade dos ossos não é suficiente. Os ossos precisam ser desafiados por exercícios para não se tornarem frágeis. E os exercícios anaeróbicos são ideias para aumentar a força dos seus ossos, mais do que qualquer outro.

  1. Impulsiona o metabolismo

Quanto mais lento seu metabolismo for, mais fácil será ganhar gordura corporal e mais difícil será perdê-la. Treinar com pesos aumenta o metabolismo, porque constrói e mantém massa muscular magra. A massa muscular é um tecido metabolicamente ativo, então, quanto mais dele você tiver, mais rápido seu metabolismo será.

  1. Remodela seu corpo e melhora a aparência

Nenhum outro tipo de exercício consegue remodelar seu corpo e melhorar sua aparência. O treino irá te deixar com o corpo tonificado, firme e com aparência atlética.

Como você pode ver, os benefícios dos exercícios anaeróbicos são impressionantes. Então, não deixe de incluí-los em seu programa.

 

Nota:

Não deixe de consultar o Médico antes de iniciar qualquer programa de atividade física !

 

Carlos Dinis MD – Medicina Desportiva

 

Referências Bibliográficas:

American College of Sports Medicine

http://www.musculacaoecia.com.br/exercicio-anaerobico-tudo-o-que-voce-precisa-saber/

http://www.exerciciosdeacademia.com.br/artigos/exercicios-anaerobicos/

Vanessa Rodrigues Couto -Graduação em Educação Física (Complexo Educacional FMU, 2007)

http://www.mundoboaforma.com.br/5-maiores-beneficios-dos-exercicios-anaerobicos/#UP4XMPLZBTZUXwsA.99

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s